Campanha de Combate às drogas alcança escolas e universidades


João Patriolino


As ações são em vista do Dia Nacional de Combate às Drogas, lembrado no dia 26 de junho. Visitas às escolas são realizadas no mês de junho


A prevenção, o combate e a recuperação de dependentes químicos é o principal mote da Campanha “Vida Quero Mais”. A iniciativa conta com ações de conscientização sobre os malefícios do uso das drogas por meio da arte, de palestras, mesas redondas e testemunhos em escolas e universidades. As ações são em vista do Dia Nacional de Combate às Drogas, lembrado em 26 de junho, designado pela Organização das Nações Unidades (ONU) como o Dia Internacional da Luta contra o Uso e o Tráfico de Drogas.

Pelo menos 12 instituições já estão confirmadas para visitas neste mês de junho. A iniciativa é da Comunidade Católica Shalom e integra a programação do Julho da Paz, ação que envolve grandes eventos para a juventude como André Castro e estudanteso Festival Halleluya (20 a 24 de julho) e o Acampamento de Jovens Shalom – Acamps (11 a 16 de julho). “A proposta é trabalhar a informação e a prevenção do uso de drogas. Queremos abordar os jovens que são os mais vulneráveis”, ressaltou a pedagoga e coordenadora do Projeto Volta Israel da Associação de Promoção Humana Shalom, Madalena Aguiar.

“Através dessa campanha também queremos chegar junto a esses jovens antes que se instale todo esse processo da dependência química. A Comunidade Shalom tem como cerne da nossa vocação a evangelização dos jovens e a juventude e muito prejudicada pelas drogas”, disse Madalena.

Ela lembrou que há muitos jovens nas casas do Volta Israel, projeto da Comunidade Shalom voltado para o tratamento da dependência química. “Nossa proposta é chegar antes. É levar a informação e a prevenção por meio da arte, mesas redondas, palestras e testemunhos”, completou. A proposta é ainda apresentar aos jovens a experiência com Deus que transforma vidas.

As visitas são conduzidas por missionários da Comunidade Shalom e voluntários do Setor Promoção Humana para Madalena e George (testemunho)falar aos jovens sobre os prejuízos das drogas ao homem e à sociedade.

 Promoção Humana

A promoção Humana Shalom está dividida em quatro projetos. O Volta Israel é um projeto que atua no combate ao uso abusivo de álcool e uso de outras drogas, através da evangelização, prevenção e tratamento, promovendo a reinserção social. As formas de atuação são o tratamento ambulatorial; tratamento em Comunidade Terapêutica; campanhas de prevenção; reinserção social. Já foram atendidas mais de 2300 pessoas dependentes químicas com vícios em drogas ou álcool (adictos) no Brasil. Em Fortaleza temos a Casa Renata Couras (Comunidade Terapêutica); Casa Santa Maria Madalena e Casa São Pe. Pio (Comunidade Terapêutica).

O José do Egito acolhe e evangeliza crianças e adolescentes em situação de degradação pessoal e social. Visitar hospitais e presídios é função do Mãe das Dores. O Jesus Meu Abrigo acolhe moradores de rua e pessoas em situação de abandono, buscando o resgate de sua dignidade e a reinserção na família e na sociedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *