Colômbia: duas pessoas assassinadas dentro de uma igreja

Um premente apelo ao Estado e aos grupos armados para que deem uma resposta sobre a violência e a profanação da Igreja de S. Cecília, em Cali, onde duas pessoas foram mortas, foi feito pelo Arcebispo de Cali, Dom Darío de Jesús Monsalve Mejía.

“Pedimos ao Estado e aos grupos da violência armada que reajam de modo imediato e concreto aos eventos da noite de sexta-feira, 24 de janeiro”, lê-se no comunicado enviado à Fides, intitulado “Querem matar a esperança”.

O Arcebispo condena a profanação da Igreja paroquial, onde delinquentesmataram um homem que estava escondido para evitar um roubo e uma mulher, alcançada por tiros enquanto rezava, que morreu no dia seguinte.

“As portas de um templo, consagrado e dedicado ao encontro com Deus e com os irmãos na fé, não podem ser atravessadas por ninguém armado para praticar atos violentos, de qualquer tipo”, escreve o Prelado.

O Arcebispo convida o Estado colombiano a “começar imediatamente a desarmar a cidadania, para reestabelecer moral e politicamente a segurança perdida pela ambiguidade gerada por nossos líderes e instituições”, enquanto a comunidade católica, junto com o seu Arcebispo, celebrou um ato de reparação do lugar sagrado domingo, 26 de janeiro, expressando seu compromisso com a paz e o rechaço à violência”.

Fonte: Agência Fides/Aleteia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *