Igreja

57ª Assembleia Geral da CNBB acontece em Aparecida (SP)

Até o dia 10 de maio, os mais de 300 bispos irão se dedicar nas discussões sobre diversos temas.

Teve início na quarta-feira, 1º de maio, a 57ª Assembleia Geral da CNBB no Santuário de Aparecida, com a celebração eucarística às 7h30, no Altar Central. A Santa Missa foi presidida pelo Presidente da CNBB e Arcebispo de Brasília, Dom Sergio da Rocha, e concelebrada por Dom Murilo Sebastião Ramos Krieger, vice-presidente da CNBB, arcebispo de Salvador e primaz do Brasil, e por Dom Frei Leonardo Ulrich Steiner, secretário geral da CNBB e bispo auxiliar de Brasília.

Presentes na celebração, que deu início aos trabalhos, mais de 300 membros da CNBB, cardeais, arcebispos, bispos, presbíteros, diáconos e milhares de leigos que vieram celebrar na Casa da Mãe, o Dia do Trabalhador.

Na sua homilia, Dom Sérgio pediu a oração da Igreja para os trabalhos da Assembleia, frisando a importância do encontro deste ano, que irá definir as novas diretrizes para a ação evangelizadora da Igreja no Brasil e eleger a nova presidência e coordenação das Comissões pastorais para os próximos quatro anos.

O Presidente da CNBB também saudou os trabalhadores, recordando São José Operário, homem justo, que fez tudo o que Deus lhe havia ordenado. “Com ele, queremos aprender a ser mais justos”.

Assembleia

Até o dia 10 de maio, os mais de 300 bispos irão se dedicar nas discussões sobre diversos temas, como: relatório do quadriênio, assuntos de liturgia, textos litúrgicos – CETEL (Comissão Episcopal de Textos Litúrgicos), assuntos de Doutrina da Fé, relatório econômico e conjuntura eclesial, com a avaliação da Igreja no Brasil e da CNBB, a análise sociopolítica do Brasil, a Campanha da Fraternidade em 2021, definição das Comissões Episcopais Pastorais e a 6ª Semana Social Brasileira.

“Como bem sabemos, são inúmeros os desafios para a missão de Igreja no mundo de hoje. Pretendemos superar os desafios com a definição das novas ações evangelizadoras da Igreja. As dificuldades, meus irmãos e irmãs, não devem jamais nos desanimar. Diante dos desafios, nós temos a oportunidade de crescer na fé”, afirmou Dom Sergio.

Após a Santa Missa, os membros da Assembleia Geral da CNBB foram para o Centro de Eventos Padre Vítor Coelho de Almeida para o início oficial da 1ª sessão.

Os bispos que podem participar da Assembleia Geral segundo o Estatuto da CNBB, são os 309 bispos na ativa (com direito a voto), os 171 eméritos, os administradores apostólicos e representantes de organismos e pastorais da Igreja.

Programação

Todos os dias – exceto no domingo, dia 05 – serão celebradas missas com laudes, das 7h30 às 8h45, no Santuário Nacional de Aparecida. Haverá transmissão ao vivo pelas emissoras católicas de rádio e televisão.

Os trabalhos da Assembleia serão desenvolvidos em quatro sessões, sendo duas pela manhã (9h15 às 12h45) e duas à tarde (15h40 às 19h30).

As entrevistas coletivas serão sempre às 15h, na Sala de Imprensa do Centro de Eventos, com a presença de três bispos designados pela Presidência da Assembleia. O porta-voz será o presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Comunicação, dom Darci Nicioli.

O retiro dos bispos iniciará no dia 04/05, às 15h00, e terminará no domingo, 05/05, ao 11h30, com missa no Santuário.

A cerimônia de posse da nova presidência está marcada para as 10h30 do dia 10/05 e na sequência a cerimônia de encerramento, no Centro de Eventos.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *