Foto: Arquivo Pessoal
Notícias

Arraiá da Paz em BH – Deus nos surpreende nos detalhes

Deus anseia por nós, mas muitas vezes não conseguimos notar sua presença. Por isso, Ele se aproxima sutilmente, respeita nosso tempo e espaço e fica aguardando a melhor oportunidade para se deixar encontrar. É um Deus que não desiste de nós, que não se cansa de nos surpreender e que se manifesta nas pequenas coisas.

No ano passado, fui surpreendida com um convite inesperado: Participar do Arraiá da Paz promovido pela Comunidade Católica Shalom. O convite foi feito na véspera do evento e foi tão inusitado que não tive tempo de elaborar uma desculpa para não ir, não tive outra opção senão aceitá-lo. Deus me pegou desprevenida, baixou minha guarda para render meu coração.

Quando cheguei ao evento, pude sentir Sua presença nos detalhes. A sensação que tive era que Ele caminhava pelo local como se estivesse em um de seus passeios pelo Jardim do Éden. Deus queria deixar-se encontrar por mim e se utilizou do Arraiá da Paz para falar ao meu coração. Nas diversas barracas de comida, pude notar o carinho e o zelo com que cada alimento era preparado.

Percebi o quanto Deus é atencioso às nossas necessidades e o quanto precisamos ser sal da terra e luz do mundo para dar sabor à vida das pessoas e para conduzi-las à Verdade.

Na barraca de pescaria e brincadeiras, Deus me recordou que a alegria só pode frutificar em um coração repleto do Espírito Santo, pois só Ele é o transformador das almas, que sacia nossa sede de eternidade e renova nossas esperanças.

No bazar, Deus me mostrou que só posso amá-lo verdadeiramente com um coração desapegado e que, não importam as feridas do meu coração e o desgaste da minha história, Ele sempre será capaz de fazer novas todas as coisas e sempre dará à minha vida um valor imensurável. Para segui-lo, preciso me livrar dos excessos: excessos de bens materiais, sentimentos ruins, projetos egoístas, falsas seguranças e de tudo aquilo que pesa sobre meus ombros e dificulta minha caminhada. Deus me recordou que seu jugo é suave e que o desapego é o melhor exercício para purificar minha alma.

Por meios dos teatros, danças, quadrilhas e músicas, pude relembrar que minha vida é um presente de Deus e a melhor maneira de expressar minha gratidão a Ele é colocando meus dons a serviço dos outros com entusiasmo.

Nas diversas fotos que eram tiradas durante o evento, Deus me recordou que meu nome está gravado na palma de suas mãos e Ele me ama com amor eterno. Por isso, devo registrar, em minha memória e em meu coração, todos os momentos de intimidade que tenho com Ele e todas as promessas que Ele me faz, porque um dia elas irão se cumprir. Olhando para as pessoas que, durante a festa, procuravam um momento de oração e aconselhamento, alheias a toda agitação e barulho, identifiquei que todo tempo é tempo de graça e que a única graça que devo temer é aquela que passa e não volta mais.

Senti Deus presente em cada momento do Arraiá da Paz… Nos gestos, sorrisos e olhares de cada irmão ali presente. Consegui entender por que Jesus gostava tanto de festas: sadias comemorações são antecipações do grande banquete que encontraremos no céu, das bodas eternas com o Esposo de nossa alma.

E assim, na simplicidade de um arraiá, com os calçados cheios de poeira e o cabelo molhado pela garoa, pude sentir meu coração tocado pela misericórdia de Deus e minha alma encharcada por sua graça. Por meio do Arraiá da Paz, pude me reencontrar com aquele que dá sentido à minha vida.

Da mesma maneira como fiz uma experiência profunda com o amor de Deus através da simplicidade do evento, convido você a também participar dessa festa. Baixe a guarda do seu coração e se deixe ser encontrado por Deus, em meio a barracas, bandeirinhas, música e muita alegria.

Patysie Ximenne A. B. de Assis


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Seguir