Shalom

Cerco de Jericó marca preparação espiritual para Renascer

10850134_316001495266589_6083782923291750229_nA Comunidade Católica Shalom em Belém (PA) viveu entre os dias 30 de janeiro e 6 de fevereiro o primeiro Cerco de Jericó do ano de 2015. A semana de adoração ao Santíssimo Sacramento foi uma das ações de preparação espiritual para o Renascer Ananindeua, evento promovido pela comunidade no carnaval.

Por meio da recitação do Rosário, Ofício da Imaculada Conceição, momentos de louvor, orações silenciosas e comunitárias, membros da Comunidade e dos grupos de oração se revezaram em escalas a fim de realizar mais de 170 horas ininterruptas de Adoração ao Santíssimo Sacramento, em intercessão pelo evento.

“O Cerco de Jericó na espiritualidade Shalom é marcado fortemente pelo louvor. Entre os terços do Rosário, o Ofício, constantemente louvamos, dando toda honra e glória a Deus, sabendo que quando estamos ali, aos Seus Pés, Ele realiza coisas que com nossa força e capacidades humanas jamais poderíamos fazer”, disse Juliana Rodrigues, da comissão organizadora do Renascer Ananindeua.

A origem do Cerco de Jericó

A inspiração mais remota para o Cerco de Jericó encontra-se no capitulo 6 do livro de Josué. O texto sagrado nos conta que antes de chegar à terra prometida o povo de Israel se viu diante das grandes muralhas de Jericó, que o impediam de prosseguir a caminhada. Obedecendo à voz de Deus, Josué, sucessor de Moisés e líder do povo, convidou os israelitas a orarem durante sete dias e sete noites rodeando as muralhas de Jericó, tendo a frente a Arca da Aliança, sinal da presença de Deus que caminha com seu povo.

Isaak Felipe Sales

Edição: Emanuele Sales

SAIBA MAIS SOBRE O RENASCER ANANINDEUA

 


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *