Notícias

Conheça a Casa Santa Gianna

A Casa que leva o nome desta santa abriga cerca de 20 crianças em situação de vulnerabilidade social

As palavras da médica italiana falecida em 1962 e declarada santa pela Igreja Católica em 2004 parecem se concretizar na vida das 20 crianças assistidas, em média pela Casa. Se estendendo também, aos colaborados que doam suas vidas no auxílio do resgate dos vínculos rompidos por essas crianças e adolescentes que possuem em média de 7 a 12 anos.

“As crianças que estão aqui abrigadas foram destituídas do poder familiar ou estão em a manutenção de vínculo, elas sofreram algum tipo de violação de direito e essa violação foi física ou emocional. A nossa atuação enquanto equipe técnica é favorecer com que essas crianças tenham direito de uma vida familiar e comunitária” nos esclarece Daniel Bezerra, psicólogo atuante na Casa e também membro da Comunidade Shalom.

Segundo Ariany Paula, atual coordenadora da Casa, o Abrigo oferece proteção e atende a integralidade das crianças para o seu sadio desenvolvimento. Este trabalho de evangelização é desenvolvido graças ao apoio da Comunidade Shalom em Fortaleza, que atua por meio da Promoção Humana e alcança também crianças e adolescentes em seus outros Projetos e Casas.

Santa Gianna Beretta Molla não recuou diante da possibilidade de ofertar a própria vida para que o bebê que gerava em uma gravidez de alto risco vivesse, que assim como ela todos nós tenhamos a coragem de amar até as últimas consequências.

Situação de vulnerabilidade social

As crianças e adolescentes que se encontram em situação de vulnerabilidade social são aquelas que vivem negativamente as conseqüências das desigualdades sociais; da pobreza e da exclusão social; da falta de vínculos afetivos na família e nos demais espaços de socialização; da passagem abrupta da infância à vida adulta; da falta de acesso à educação, trabalho, saúde, lazer, alimentação e cultura; da falta de recursos materiais mínimos para sobrevivência; da inserção precoce no mundo do trabalho; da falta de perspectivas de entrada no mercado formal de trabalho; da entrada em trabalhos desqualificados; da exploração do trabalho infantil; da falta de perspectivas profissionais e projetos para o futuro; do alto índice de reprovação e/ou evasão escolar; da oferta de  integração ao consumo de drogas e de bens, ao uso de armas, ao tráfico de drogas (ABRAMOVAY, CASTRO, PINHEIRO, LIMA, MARTINELLI, 2002).

Portanto, para se trabalhar com crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social, marcadas pelo abandono ou afastamento do convívio familiar, deve-se compreender antes de tudo que esta “vulnerabilidade” aborda diversas modalidades de desvantagem social, mas principalmente a fragilização dos vínculos afetivos, relacionais, de pertencimento social ou vinculados à violência.

Comunhão de Bens

Comunhão de Bens é uma preciosa via para avançarmos na santidade comum. Portanto, a sua partilha alcança cada criança que ,na Casa Santa Gianna, além de conhecer o amor de Deus, encontra um lugar seguro e uma oportunidade no resgate de uma nova vida. Partilhe!

Como devolver minha Comunhão de Bens?

1 – Pelo cartão de crédito no Appshalom, baixe agora mesmo;

Play Store: https://play.google.com/store/apps/details?id=com.immifs.give.shalom.alpha
App Store: https://itunes.apple.com/br/app/appshalom/id1368823988?l=en&mt=8

2 – Por transferência bancária;

3 – Via Cartão de crédito;

4 –  Na urna do seu Centro de Evangelização.

Você sabe o que é Comunhão de Bens?

É a partilha total da nossa vida. Devolvendo à Deus parte dos nossos rendimentos.

Qual é a porcentagem dessa partilha?

Para membros de grupo de oração: 10% dos rendimentos mensais em favor da evangelização.

Para membros da Comunidade de Aliança: 10% dos rendimentos mensais em favor da evangelização e 5% a mais em favor dos pobres.

Serviço
Casa Santa Gianna Beretta Molla
Rua Napoleão Laureano, 234, bairro de Fátima – Fortaleza (CE)
Contato: (85) 3472-1992 / casasantagianna@comshalom.org


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *