Notícias

Refugiados venezuelanos participam de ação realizada pelo Shalom em Sobral

No mesmo dia da inauguração da Capela na missão, movidos pelo apelo de Deus, membros da Comunidade foram ao encontro de um grupo de refugiados vindos da Venezuela.

Quis Deus, em Sua Divina Providência, que a Comunidade Católica Shalom em Sobral vivesse em um só dia graças especiais e renovadoras na sua missão de “anunciar a Paz onde a Igreja e a humanidade precisarem” (cf. Oração Vocacional CCSH). Em seu Centro de Evangelização, no dia 22 de novembro, a Comunidade inaugurou uma nova capela, um novo espaço de encontro entre Deus e o seu povo, um lugar de todos, para todos, para o rico e para o pobre.

Logo depois, no Centro de Evangelização João Paulo II (Anexo), os membros da Comunidade acolheram dezenas de irmãos menos favorecidos, onde juntos conviveram, banquetearam e viveram a experiência de colocar tudo em comum. No mesmo dia, também movidos pelo apelo de Deus, outros membros da Comunidade foram ao encontro de um grupo de refugiados vindos da Venezuela. Assim foi o Dia Mundial dos Pobres na missão de Sobral, um dia de verdadeiro encontro com o Senhor.

A casa do rico e do pobre

Durante a homilia da missa que foi de inauguração da nova capela do Shalom mas também foi o envio dos missionários para as ações programadas junto aos pobres, o Padre Paulo Henrique, missionário da Comunidade de Vida, destacou que o Centro de Evangelização em Sobral, local que Deus confiou à Comunidade, é a casa do rico e do pobre, daquele que tudo tem e daquele que nada tem.

“O pobre nos leva a encontrar Deus, Cristo está concretamente presente na carne daquele que sofre e passa necessidade”.

Após a missa, foi servido um jantar e disponibilizados para a comunidade local diversos serviços, como corte de cabelo, atendimento jurídico, consultas médicas, além de atendimento com oração e aconselhamento. Ao mesmo tempo, no bairro Dom Expedito, outros missionários da Comunidade também levaram um pouco de alegria, oração e unidade a um grupo de venezuelanos refugiados em Sobral, local onde foi oferecido serviço de corte de cabelo.

Oração e unidade com os refugiados

Também nas proximidades da Igreja da Sé, foi feita entrega de sopão a outro grupo de venezuelanos. Todas as ações do dia alcançaram cerca de 50 pessoas. Articuladas pela Secretaria de Promoção Humana da Comunidade em Sobral, as ações também aconteceram na cidade de Massapê – CE e também em parceria com a Diocese de Sobral e órgãos como o Conselho Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas de Sobral (COMAD), o Centro Pop, entre outras comunidades e instituições de Sobral. Com gratidão, os missionários da Comunidade Shalom em Sobral acolhem o apelo que sempre os envia ao encontro do homem que sofre e espera a manifestação dos filhos de Deus.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *