Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. “Matar uma criança” é só a droga de um feto, que um homem ASQUEROSO, VIOLENTO e CRIMINOSO plantou nela. Como o marido foi capaz de apenas aceitar? Crianças não são bênçãos de Deus, ainda mais se vierem do modo que esta criança veio. PÔ, A MULHER FOI ESTUPRADA E NEM LIGOU! Tem tapado pra tudo nesse mundo, credo.
    Quero ver quando ela começar a se arrepender. Quando o marido olhar pra criança e se sentir traído, criando um bastardinho oriundo de um ato sujo. Vai largar ela e a mulher vai virar mãe solteira, pra aprender a lição da vida.

    1. A “Droga de um Feto” vc também foi. Da mesma maneira que ela optou pela vida, sua mãe optou por ter vc. Deus tem planos nas nossas vidas, os melhores que nem podemos imaginar e nem por isso você, deveria se julgar a droga de um feto.
      Eu fui abandonada pelo pai, passei fome, morei em favela, sustentei minha mãe e nem por isso sou revoltada com a vida, sou a favor Dela. Pq o assim como o amor de Deus foi capaz de curar as lacunas do meu pai, de um estupro q sofri, das necessidades q passei, ele também foi capaz de preencher o coração e o seu se vc permitir. Jeovania Amorim, Fisioterapeuta Dermato funcional, pesquisadora, Filha De deus, noiva e feliz na minha vocação.

      1. Parabens Jeovania pela coragem de dar o seu testemunho.
        Realmente, as pessoas que nao tiveram essa experiencia com o Amor verdadeiro, que deu a sua vida por nos, nao conseguem entender que o amor nos torna capazes de tomar decisoes tao dificeis quanto essa. So quem se sente amado, tem a coragem de amar, de escolher aquilo que talvez nao seja o mais facil, mas seja o melhor, de nao pensar so em si mas de escolher o bem do outro. Aqueles que pensam que esta e uma historia falsa, eh porque na verdade, nao experimentaram do verdadeiro amor e acabam medindo as atitudes e a coragem dos outros pelas suas proprias covardias e medos. Mas nao sao as palavras que convencem, e sim, o testemunho de inumeras vidas que se deixaram tocar e curar pelo Amor de Deus.
        Aos que preferem ficar no comodismo da critica julgando que eh uma historia falsa e acreditando em tudo o que a televisao diz, convido a participarem da vida real e conhecerem a historia de coragem daqueles e daquelas que optaram pela vida.
        Shalom!

  2. Mais nem sonhando! Tira essa coisa de dentro de voce! Isso não é fruto do amor nunca, é fruto de uma violencia! Isso não é valorizar a vida, é valorizar a hipocrisia!

  3. Confesso que é uma sitiação traumática, onde o marido sofre com a situação e a mulher também, porque afinal, é filho dela e se elas for temente à Deus, jamais vai aceitar a idéia de abortar. Se existe um homem com essa grandeza nas atitudes, ela que segure porque homem como este, é figurinha carimba, o verdadeiro coringa!!!

  4. A irmã de uma amiga minha estava em coma a familia contado seus dias de vida. Vcs nao vao acreditar, elea foi estrupada naquele leito naquelas condições. daquele estrupro ela engravidou e aquele filho deu- lhe a vida pois os hormonios da gravidez fizeram ela reagir e sair do coma. Ela estava viva pelos aparelhos e do mal troxe o bem.

  5. Eu nao acho que minha mae lembre de quando transou com meu pai toda vez que ela olha por mim… Pelo mesmo motivo que, caso eu fosse estuprada, eu nao lembraria do ato horrendo toda vez que olhasse para meu filho, um presente de Deus! E por esse mesmo motivo, nao compreendo como esse é o argumento mais usando para defender um crime tao horrível contra a vida que é o aborto

  6. Acho muito válido ela não se sentir confortável com a ideia de um aborto até mesmo numa situação dessas, mas não podemos ignorar o fato de que muitas outras mulheres (e seus\suas parceiros(as)) não se sentem da mesma maneira. Um estupro pode afetar uma pessoa de maneiras incomensuráveis. Cada pessoa vai reagir e lidar com isso de uma maneira. Não podemos esperar que todos vejam o mundo da mesma maneira.
    Ela não quis abortar, ótimo. Mas ela é só uma pessoa em milhões.

  7. olha uma situação muito dificil mas acho que sendo cristão devemos agir segundo a lei do amor e não e facil mas e uma vida. esta que a Deus pertence ja tem gente demais que persegue as criaças no ventre de suas mães digamos sim a vida sempre

  8. MULHER TEMENTE A DEUS,TÁ AI UMA COISA QUE NÃO SE VÊ TODOS OS DIAS, DEUS NUNCA ABONA OS SEUS.
    POR MAIS DIFÍCEIS QUE FOR AS DECISÕES DEUS ESTÁ CONOSCO A TODO TEMPO.
    SE É FAKE OU NÃO ISSO JA NÃO IMPORTA.
    POIS NA BíBLIA UM PAI TINHA QUE SACRIFICAR SEU UNICO FILHO EM HOLOCAUSTO A DEUS,MAIS ELE ERA UM HOMEM OBEDIENTE E DE FÉ,E DEUS NÃO O DESAMPAROU.

  9. Vcs nao acreditam q é verdade pq vcs nao acreditam no Mor. Vcs nao acreditam na vida. Vcs defendem a morte. Claro q pode see fake. Mas existem sim muitas maes como essa. Mulheres de verdade. E é isso q me fa acreditar na vida.

  10. Aos que disseram que está história e apenas “para boi dormir”, estão equivocados. Uma pessoa firmada na Palavra de Deus, com um esposo cuidador aceitariam este “peso”. Claro que não é fácil para ninguém ser vítima de uma situação que deixa profundas marcas… Lógico que ela quando ver bebê se lembrará do fato! Não é fácil. Se aconteceu ou não não é que questiono. O fato é que o “amor tudo suporta”. Com a ajuda do Espírito também. Falo isso porque sou uma menina indesejada. Meu pai pediu para que eu fosse abortada. Mas nem por isso minha mãe atendeu ao pedido. Minhas últimas palavras são que por mais que “pese” um bebê indesejado, pesa mais ainda jogá – lo fora!

  11. Se vÊ de todo tipo de história por aí. Programou-se tanto na cabeça das pessoas que o natural, o obrigatório e esperado, em caso de estupro é recorrer ao aborto quem vem tantos falar que são fakes. Procure um advogado ou assistente social e vai escutar todo tipo de história. E o que mais acontece, mas é proibido comentar, é de mulheres em depressão e arrependimento após o aborto. E é o de se esperar, uma pessoa que não se arrependa, seja homem ou mulher, após autorizar a morte duma criança não deve bater bem da cabeça.

  12. É possivel revelar a presença de Deus em histórias assim, o Amor vai além da razão e dos fatos. Parabéns Shalom por postar realidades assim para pensarmos um pouco. Deus abençoe.

  13. Se você, autora, teve a coragem de prosseguir a gravidez: parabéns. Acontece que nem todo mundo tem estômago e condições de arcar com um incidente ao qual nem ao menos teve culpa. E isso não é obrigação da vítima! Sem falar na criança, que quando descobrir que foi gerada através de um estupro e nem ao menos vai ter a chance de conhecer o pai (até porque não é todo mundo que tem um marido para assumir), terá um psicológico abalado sem ter culpa disso. Mas se você teve capacidade de pensar nisso tudo e ainda se vangloriar com um texto, mais uma vez, parabéns.

  14. Se for real, ótimo! Que bom que ela superou e teve o apoio do marido. Mas e pra quem tem não tem o apoio do marido? E pra quem não quer ter o filho? E o trauma? Assim como muitos acreditam que o “algo do tamanho de uma ervilha” é uma vida, aquela mulher também o é (pasmem!!!), mulheres não são apenas um útero a ser fecundado. Não defendo o aborto, defendo o direito de escolha, algo que essa mulher exerceu: ela escolheu continuar com a gestação.

  15. Gente que horror essa história de ter um filho vindo de um aborto e entregar para doação, que isso? Filho é filho independente do pai, e mãe sempre vai ser MÃE, de sangue, aquela que gerou! É horrível pensar que um filho foi concebido por um estrupo, mas não se desfaz de um filho porque ele não veio programado. Infelizmente vivemos em uma sociedade que não sabemos o dia de amanhã,e se o pai dos seus filhos de hoje se transformar daqui sei lá 20 anos? Já ví vários casamentos terminarem por formas terríveis (tendo casais de relações de muitos anos) .. mas filho não! Filho é o amor que fica! Sinceramente eu amaria da mesma forma, cuidaria, assim como cuido do meu! Pai é quem cuida não quem faz!

  16. Se e fake ou não essa história não interessa. O que vale é q casos reais como este acontecem, e somente uma pessoa temente a Deus pra saber que a vida é um presente grandioso sim. Que quando há AMOR, tudo é possível. Deus é maior e seus desígnios maravilhosos. Só quem não acredita nesse AMOR, não entende tamanha doação e aceitação!

  17. Se isso acontecesse comigo, eu também não abortaria o meu bebê. Existem pessoas que pensam assim também. Se fosse muito dolorido, entregaria para adoção após o parto. Mas eu não abortaria.

  18. Ter um filho crescendo no ventre apos um estupro, deve ser assustador e desesperador. Mas vencer esse medo e ter o filho é benção de Deus. Só o amor de Deus é que pode dar conforto a um casal para suportar e aceitar essa situação. E não a nada nesse mundo que nos revele o amor de Deus do que uma criança crescendo em nosso ventre dia a dia, sendo moldada pelo próprio Deus.

  19. Bonitinho demais para ser real. Estupro deixa trauma, engravidar e o marido aceitar… tem de ser muito grandioso. Olhar para a criança e não lembrar. Não sei o que faria, mas estou quase certa que não teria uma história bonita pra contar

  20. Eu, psicologa e sexologa, ja acompanhei algumas histórias reais como essa, independente se essa postada é fake ou não… pagar o mal com o bem sempre dá o melhor resultado! Pra que ficar se amargurando por algo que ja aconteceu? A realidade não muda, o que podemos mudar são nossas reações diante de qualquer fato, e isso depende de cada um, qOuue só vai conseguir ter reações saudaveis se buscar, o tempo todo, viver o melhor de si e não ser egoista. Sempre há a possibilidade de tirar algo maravilhoso de algo terrivel.

  21. Eu, psicologa e sexologa, ja acompanhei algumas histórias reais como essa, independente se essa postada é fake ou não… pagar o mal com o bem sempre dá o melhor resultado! Pra que ficar se amargurando por algo que ja aconteceu? A realidade não muda, o que podemos mudar são nossas reações diante de qualquer fato, e isso depende de cada um, que só vai conseguir ter reações saudaveis se buscar, o tempo todo, viver o melhor de si e não ser egoista. Sempre há a possibilidade de tirar algo maravilhoso de algo terrivel.

  22. Um lindo testemunho, pena que as pessoas não toleram mais a vida… talvez porque fizeram das suas próprias vidas um amontoado de NADA., de VAZIO.

    PRECISAMOS FALAR SOBRE A VIDA!

  23. Isso é um fake dos mais mal feitos. Tudo pra defender um argumento indefensável. O estupro. Num houve polícia? A empresa não quis apurar o assunto, o marido aceitou tudo numa boa? Ah,faça-me o favor. Isso é uma coisa terrível.