Shalom

Halleluya São Paulo é uma graça imensa, diz Walmir Alencar

Vocalista do Ministério Adoração e Vida falou sobre os excessos de passado e futuro que causam depressão e ansiedade nas pessoas

O ministério Adoração e Vida está presente em diversas festivais, mas, inspirado pelo Espírito Santo, sempre traz algo novo que toca o público para uma experiência com Deus. E não foi diferente no Halleluya São Paulo, na capital paulista, nesta tarde de domingo (23).

O vocalista Walmir Alencar recordou ao público para não ficar preocupado demais com o passado – um dos motivos de depressão – e nem muito com o futuro, que causa ansiedade. E proclamou uma passagem de Filipenses (3,16). “Contudo, seja o qual for o grau que chegamos, o que importa é prosseguir decididamente”.

Uma palavra de Deus que serve muito para as pessoas que hoje andam preocupadas demais, com trabalho, estudo, situações financeiras. “Conseguimos viver na correria, mas olhando para o nosso interior, com a tranquilidade que Deus fala. Ele também fala por meio dos irmãos que estão ao nosso redor. Ele dá sinais para que percebamos como temos que viver”, disse ele.

Para Walmir Alencar, o Halleluya São Paulo tem tudo para se tornar tradicional:

“É maravilhoso, é divino estar aqui, para mim é cada dia diferente. Estou há anos no Halleluya e o Halleluya São Paulo está sendo uma graça imensa. Não esperava por tudo isso e tenho certeza que muita gente vai ouvir os testemunhos, ver as fotos, as imagens e vir para o próximo Halleluya no próximo ano com toda certeza”, assegurou.

SUPERAÇÃO

Walmir Alencar contou como tem sido fazer o show, após uma cirurgia. Ele passou pela terceira da quarta operação do tratamento dentário e ainda não recuperou a sensibilidade facial 100%. “Tive dificuldade, mas é a graça de Deus que nos ajuda”, assegurou.

No período em que ficou afastado – inclusive, nas outras duas cirurgias -, compôs bastante. “O Senhor veio com uma enxurrada de canções que não são nem realidades da Adoração e Vida. Músicas para São Francisco, para o Pai das Misericórdias. O Senhor diz: ‘quero povo, quero Igreja’. Estamos discernindo várias questões. Será um trabalho ao vivo, pela Paulinas, com o público”, finalizou.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *