Notícias

Moysés Azevedo: Caminho da Paz é um itinerário orante e evangelizador

No último dia do Congresso Nacional do Pastoreio, Moysés falou sobre a importância de trilhar um caminho em vista do cumprimento da obra de Deus em nossas vidas.

O Congresso Nacional do Caminho da Paz chegou ao final em Fortaleza com a pregação de Moysés Azevedo neste domingo (16/06). Em suas palavras, o fundador do Shalom lembrou que o Caminho da Paz já estava no coração de Deus desde o surgimento da Comunidade, porque o Criador sempre pensou em gerar uma grande obra na vida de cada pessoa. “O carisma Shalom é um caminho para formar um povo orante e em movimento”, comentou.

Ao lembrar que a Comunidade foi criada em vista da evangelização de todos os povos, mas, antes disso, de cada homem, Moysés ressaltou a importância de se ter humildade para reconhecer a necessidade de formação, da busca pela Palavra. “A formação não é só para que sejamos intelectuais, mas para que possamos ser evangelizadores, para irmos ao encontro das pessoas que não conhecem a Cristo”, lembrou.

Moysés ressaltou ainda que na Comunidade Católica Shalom não existe um só grupo de oração, mas uma grande obra de Deus. Ele lembrou que o Caminho da Paz deve conduzir cada missão da Comunidade à sua identidade, pelo desejo comum na busca da maturidade cristã. “É um caminho que leva as pessoas para a maturidade em Cristo. Ele não é um itinerário egoísta, feito para si, mas para a missão, em vista dela”, lembrou.

Ao concluir, o fundador lembrou que cada líder de grupo de oração deve ser um grande e misericordioso intercessor aqui na terra, como Jesus Cristo é pela humanidade diante do Pai. “Levar as pessoas a um caminho de santidade é uma grande alegria e não um peso ou um fardo. Por isso, feliz és tu que foi chamado a colaborar, a doar a vida por Aquele que deu tudo por ti, o próprio Deus. Essa missão confiada a cada líder é para ser concretizada com santidade, que significa sorriso aberto e brilho nos olhos”.

O domingo de Congresso concluiu com a Santa Missa e pregação da missionária católica Gabriella Dias na parte da tarde, que falou sobre acompanhamento pessoal. O público total foi de 1400 pessoas de todo o Brasil, que ficaram hospedadas na casa de outros missionários da missão de Fortaleza – CE que os recebeu de braços abertos.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *