Shalom

Qual a revolução de Teresinha?

Há 120 anos uma carmelita de 24 anos revolucionou sua vida de oração. Sim, a sua!

Para o senso comum do século 21, a vida de uma religiosa deve estar longe de um testemunho revolucionário. Passados mais de 120 anos da morte de Teresinha de Lisieux e, com tudo o que já foi dito sobre ela, o que a vida da carmelita pode ainda trazer de novidade para um livro?

As Edições Shalom lançam “Teresinha, a santa revolucionária”, de Vicente Tomaz, na certeza de que quem vive o Evangelho guarda sempre a boa nova.

Segundo o autor, o livro traz o mérito de apresentar uma síntese de grandes autores especializados na vida e na doutrina teresiana, como François-Marie Lethèl, Hans Urs von Balthasar, Conrad de Meester, Guy Gaucher, no intuito de evidenciar os aspectos fundamentais da espiritualidade de santa Teresinha.

“Teresinha tinha o ímpeto de uma revolucionária”, diz o autor. “Ela entrou no Carmelo aos 15 anos, após sua grande ousadia de ir ao Papa Leão 13 pedir a permissão para ingressar na vida religiosa”. Por outro lado, a carmelita revela seu grande dom da simplicidade. “Ela descomplica tudo”, afirma Vicente. “Talvez isso explique a devoção pela santa alcançar proporção mundial. Em todo lugar de fé católica, vê-se sua presença. “Sua simplicidade oferece a todos um caminho acessível para a santidade, chamado pequena via”.

Com esta proposta, o livro apresenta a vida da carmelita francesa, uma jovem falecida aos 24 anos, apaixonada por Deus e pela humanidade, por meio de uma linguagem acessível e conteúdo de grande valor teológico.

O livro mostra a experiência de Teresa com o amor divino, que leva a uma adesão aos planos de Deus, revela também as características e as práticas da pequena via, caminho da santidade possível até mesmo para as almas mais imperfeitas, e também a compaixão missionária desta grande santa. Sua vida permanece sendo uma grande luz que ilumina a muitos!

Vicente Tomaz participa do lançamento no Congresso de Jovens Shalom, dias 1 e 2 de junho, no Expo Barra Funda, em São Paulo, onde encontra mais de 3 mil jovens do Brasil e do exterior. O autor é formado em Filosofia e Teologia. Nasceu em São Paulo (SP), em 1981. Ingressou na Comunidade Católica Shalom em 2003. A carmelita francesa é, para ele, uma amiga e mestra espiritual, que o acompanha desde as suas primeiras experiências com Deus na adolescência e que a cada dia o ensina a amar mais a Jesus e a humanidade.

FICHA TÉCNICA

Teresinha, a santa revolucionária

Vicente Tomaz

160 páginas

Edições Shalom

Para comprar: https://livrariashalom.org/teresinha-a-santa-revolucionaria


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *