Shalom

Silêncio de Maria marca programação do Sábado Santo durante Retiro

Um grande silêncio reina sobre a terra. O Deus feito Homem está dormindo. O Rei morreu na carne e visita a mansão dos mortos. Esse é o mistério que a Igreja vive neste Sábado Santo (20), próprio de silêncio à espera da Ressurreição de Cristo. Todos os participantes vivem este mistério no terceiro dia do Retiro de Semana Santa, realizado pela Comunidade Católica Shalom, em Juazeiro do Norte, desde o último dia 18.

O mistério do Sábado é vivenciado com forte clamor à Virgem Maria, Aquela que soube silenciar e viver com todo o seu coração a Paixão de Seu Filho, pois tinha esperança na Vontade do Pai. Na tarde de hoje, no Memorial Padre Cícero, o Padre Almeida Neto, missionário da Comunidade Shalom (Fortaleza-CE) que foi convidado para pregar o retiro, iniciou o encontro fazendo memória dos dias do Tríduo Pascal já vivenciados, a Quinta-feira Santa com a reflexão do ambiente da Última Ceia e, na Sexta-feira Santa, o destaque dos momentos vividos por Jesus Sua Crucificação. O sacerdote destacou que a Cruz era a forma como os malfeitores, ladrões e escravos morriam naquela época e foi o lugar que Jesus deu seu último suspiro.

Uma Cruz envolta a tecidos vermelhos, presente no centro do Memorial Padre Cícero, local onde acontece o retiro, foi o ponto da reflexão da pregação desta tarde. Os participantes emocionados ouviram pela narração do sacerdote que Jesus estava sem fôlego no alto da Cruz, e que seus cravos perfuraram seu pulso, pois se houvessem sido pregados em sua mão rasgaria e não o sustentaria na Cruz.  

Padre Almeida partilhou também sua experiência com a Via Sacra, celebrada também no dia ontem. “Por mais simples que tenha sido, tive uma forte experiência com a força que cada estação da Via Sacra era vivida”, disse. Os participantes do retiro interagiram compartilhando da mesma experiência.

Mansão do Mortos

Antes da Ressureição, Jesus conheceu a morte como todos os homens e desce à Mansão dos mortos, porém Ele não desce como os homens mas sim como Salvador. “A visita de Jesus não foi para abolir o inferno, mas Ele chega lá para proclamar a Boa Nova aos espíritos aprisionados pela morte. Jesus desceu para libertar os justos”, destacou o pregador. 

O mistério vivido durante todo o dia do Sábado Santo, através das pregações, orações renovou nos participantes o chamado de Cristo que diz: “Acorda, tu que dormes.” Jesus que desce à Mansão dos mortos toma Adão pelo pulso e quer tomar também cada homem e mulher. A oração vivida no Retiro, neste dia, buscou realizar o mesmo movimento. Na ocasião, cada participante pode clamar a Cristo que o tirasse das trevas que tantas vezes estão inseridos.

Celebração 

Com grande força e desejo de oração, os membros cantaram a Nossa Senhora e viveram a Celebração Oracional. Ao redor da Cruz, estava Nossa Senhora, representada pela missionária Adriana Ferreira, consagrada da Comunidade Aliança Shalom, a qual, com uma vela na mão, simbolizou a presença da Virgem Maria neste dia do Tríduo Pascal como sinal da Luz que dissipa as trevas.  Algumas pessoas representando família, jovens, sacerdotes e construtores da sociedade estiveram também ao redor da Cruz e um por vez fizeram preces pela santificação da Igreja, pela abertura a vida familiar, aos jovens perdidos e sem sentido de vida e pelos adultos profissionais, verdadeiros construtores da sociedade. Cada representante recebia uma vela pelas mãos de Nossa Senhora.

O momento foi o ápice do retiro neste sábado santo (20). Adultos, jovens, crianças e idosos ergueram os braços, cantaram a Maria, elevaram preces pedindo a esperança, a confiança, clamando por uma vida abandonada mesmo diante das dores, feridas tão frequentes nos sofrimentos do homem de hoje. A Celebração gerou verdadeiro anseio aos participantes de uma vida nova, de confiar à Mãe de Deus tudo que tem e trazem.

Presença de Maria

Para o jovem participante Isac da Silva, o principal fruto da celebração mariana gerado em seu coração consistiu em ter sentido a intercessão de Maria, indo ao seu encontro.  “Ela não espera que a gente coloque as dores para fora, mas vem ao nosso encontro e nos ajuda. Nossa Senhora caminha e ouve as famílias, os jovens, a Igreja. Enquanto Cristo dorme, ela cumpre o papel de mãe e se concretiza o que Jesus disse na Cruz “Mãe, eis aí o teu filho; Filho, eis aí a tua mãe”, partilhou o jovem membro da Obra Shalom e pastor de grupo de oração na missão de Juazeiro do Norte-CE.

A atual coordenadora apostólica da missão de Juazeiro-CE, Daniela Alves, destacou que essa celebração foi uma forma de depositar as dificuldades e as trevas nas mãos de Nossa Senhora e de tê-la como consolo. A missionária da Comunidade de Vida Shalom acredita que o público viveu intensamente as preces, confiando assim no poder da intercessão de Maria. A mesma finalizou o terceiro dia de encontro instigando os participantes a reconhecerem os frutos já colhidos durante o Retiro de Semana Santa, convidando a todos os presentes para bem viver a Vigília Pascal, na qual toda a Igreja celebra a Ressurreição de Jesus Cristo.

O retiro de Semana Santa continua amanhã, no domingo (20), onde toda a Igreja viverá a grande Páscoa. Um dia de alegria, quando volta-se a cantar Aleluia, a bater palmas, pois Cristo Ressuscitou. O Domingo Santo no evento será vivido com orações, louvor e finalizará com a Santa Missa de Páscoa no Memorial Padre Cícero, a partir das 14h.


Comentários

Aviso: Os comentários são de responsabilidade dos autores e não representam a opinião da Comunidade Shalom. É proibido inserir comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem os direitos dos outros. Os editores podem retirar sem aviso prévio os comentários que não cumprirem os critérios estabelecidos neste aviso ou que estejam fora do tema.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *